Banguecoque em menos de 48 Horas

Banguecoque é uma daquelas cidades que ou adoras, ou detestas.

Há muito para detestar – a poluição do ár, o barulho dos carros, o cheiro, a pobreza das pessoas. Mas há muito mais para amar – a cultura rica, os templos, a comida, a felicidade dos moradores, os mercados nocturnos, sua vitalidade. Porque Banguecoque nunca dorme.

Começamos do ínicio  – Como chegar

Existem muito companhias aereas que levam até Banguecoque. Nós já utilizamos os Emirates e British Airways. O preço é desde os 500€ para cima. A viagem dura por volta de 15 horas (dependente do voo que vais apanhar). Custa porque se passa uma noite no avião, mas as viagens grandes começam quase todas assim.

Onde ficar

Banguecoque é enorme. Onde ficar pode ser uma decisão difícil. Recomendamos ficar na zona da Khao San Road, mas não na rua em si! E porque não? Imagina dormir no Bairro Alto, ou pior… Mas não nos levas a mal, adoramos esta rua, de noite é cheia de vida, restaurantes, bares, e o mercado nocturno para comprar tralhas baratas.

Nós ficamos no Feung Nakorn Balcony Rooms and Cafe, uma casa de hospedes simples, relativamente limpa, por menos de 55€. O pessoal é simpatico e prestavel, o jardim relaxante e a comida deliciosa.

O Itinerario

Há imensa coisa, mas em 48 horas recomendamos o seguinte itinerario

Dia 1

Aterramos no Aeroporto Internacional de Bangkok-Suvarnabhumi apanhando um taxi para o hotel deparamos logo com a  organização de um simples apanhar de taxi tivemos que retirar uma senha e esperar pela nossa vez nos monitores. Chegar ao hotel, comer se for preciso, tomar um duche e tentar  descansar/ dormir um pouco. Atenção! Não te deixes dormir e acordar no meio da noite porque isto vai te cansar ainda mas. Põe um relogio para as 17 – 18h. Normalmente por volta das 18.30 lá se faz noite. Toma mais um banho se for preciso.

Pega num taxi e vai até um dos rooftop bares para jantar. Se o teu budget não permite, come uma simples mas deliciosa refeição da rua e deixa o rooftop bar para depois. Nós fomos jantar no Vertigo Roof Top Bar e adoramos a experiência.

vertigo-roof-top-bar-Banguecoque

Depois faça uma massagem aos pés. Vais encontrar varios salões abertos a noite que oferecem massagem aos pés por 300 BTH ( 7.50€ ), Vais estar pronto para dormir como um anjinho.

Banguecoque-massagem-aos-pes

Mas antes, dá uma visita ao mercado nocturno Patpong, atenção que fecha por volta da meia noite.

Dia 1 já se passou rápido.

Dia 2

Hoje é o dia de conhecer um pouco a cultura tailandesa.

Sugerimos acordar cedo (se conseguiste dormir), tomar um bom pequeno almoço e começar a aventura.

Primeiro recomendamos uma visita ao Grand Palace de Banguecoque . Apanha um tuc-tuc até lá, é barato. Mesmo se estás perto o calor é tanto que vale a pena guardar todas as forças para os monumentos.

Grand_Palace_Bangkok,_Thailand

Sobre o Grand Palace

O Grande Palacio Real foi construído em 1782, e serviu como residência da realeza tailandesa, até o meados do século XX, que após a abolição da monarquia, deixou o grande palácio. Atualmente é aberto parcialmente ao público, e ainda é usado ainda para alguns atos oficiais.

Localizado no distrito de Phra Nakhon, no coração da cidade de Bangkok, ao longo do Rio Chao Phraya, Grand Palace ocupa uma área de 218.400 metros quadrados (quase 22 hectares), os muros que cercam o palacio, formam um retângulo com total de 1,9 km de comprimento.

Ou em alternativa desta visita, pega num Tuc-Tuc e diz ao conductor para fazer tour da cidade, veja como vivem as pessoas, a maneira de ser, sorrir,os mercados, a comida, os frutos, os cheiros… viva o  Banguecoque. O que achas que fizemos? Nós gostamos de alternativas… Grand Palace fica para a próxima.

Banguecoque-canal

Banguecoque5

Banguecoque4

Banguecoque3

Banguecoque1Depois come um bom almoço e dorme uma sesta rápida se te for possível,

Porque já vem o Wat Pho, com o Buda Reclindao (Reclined Buddha). Um monumento impressionante! A arquitetura do Templo Wat Pho é muito parecida com a do Grande Palácio , mas tem a famosa estatua do Buda reclinado, a maior da Tailândia com 43 metros de comprimento e 15 metros de altura, é um dos ícones da cidade! Wat Pho também é o mais antigo templo de Banguecoque, que remonta ao período do reinado de Rama muito antes do estabelecimento de Banguecoque como capital da Tailândia.  

Banguecoque-templo Banguecoque-wat-pho

templo-Banguecoque

 

Banguecoque-wat-pho-buda-reclinado

Banguecoque2

Banguecoque

Depois já é tempo para ver o iconico por do sol de Banguecoque sobre Wat Arun, um dos templos mais visitados em Banguecoque, também chamado de Templo do amanhecer, Templo de mármore, é um dos templos mais bonitos da cidade. Podes lá chegar de barco se ainda tens tempo e vontade.

wat-arun-banguecoque

Mas nós preferimos encontrar um bar relaxante, encomendar cerveja Singha gelada e desfrutar o ambiente descontraido que esta cidade maravilhosa propõe, e claro o maravilhoso por de sol sobre Wat Arun…

wat-arun-bar-Banguecoque

Já é tarde e a deliciosa comida tailandesa chama, por isso vá até Khao San Road e escolha um dos inumeros restaurantes que vais encontrar. Nós tivemos o privilegio de jantar com uma amiga tailandesa, por isso ela escolheu o restaurante – Hippie De Bar e a comida, que nós adoramos. Depois do jantar ainda estás com tempo para fazer compras neste mercado nocturno, ir a um bar ou discoteca. No final Banguecoque nunca dorme.

khaosan-road

Esperamos que gostaste da nossa sugestão de itinerario em Banguecoque. Agora gostaríamos de saber se já lá foste, gostaste da cidade, tens alguma recomendação?

Restaurante-khao-san-road

P.S. Podes estar a perguntar te porque não sugerimos visitar mais lugares, mas nós gostamos do slow life, ou seja desfrutar e sentir a alma do lugar, sem stress e obrigação. Achamos que é a melhor maneira de conhecer uma cultura nova!

Leave a Reply

Your email address will not be published. Required fields are marked *